O que é individuação? Carl Jung e a jornada do eu

O que é individuação de acordo com Carl Jung? Sempre à frente de seu tempo, Carl Jung viu a individuação como o processo de nos tornarmos nosso eu autêntico e poderoso.

o que é individuação

Por: novo 1lluminati

isso foi Carl Jung ele mesmo que comprou a palavra individuação para a psicologia. Ele começou a usar a palavra para descrever o que considerava o conceito central e mais importante em sua visão do desenvolvimento humano.



O que é individuação?

A individuação é a nossa jornada para nos compreendermos.Envolve nos tornarmos a versão mais integrada e completa possível de nosso eu único. Em seu nível mais alto, a individuação é a arte da transformação pessoal.

A individuação responde à pergunta: quem é você, sob todos os seus papéis e responsabilidades sociais? Se você tirou as 'máscaras', ou personas, que você esconde atrás? Quem você seria se enfrentasse todos os seus segredos ocultos e fizesse as pazes com seus cantos mais sombrios? E se atreveu a ser você mesmo, não importa o quão diferente você seja dos outros?

De certa forma, a individuação acontece, quer queiramos ou não.A própria vida nos leva a crescer e aprender mais sobre quem somos e do que somos capazes.

Mas o processo de individuação se beneficia mais ao abordá-lo como uma busca. Ou seja, se nos comprometermos conscientemente comnos conheçam e nos compreendam, trabalhem em nós mesmos e busquem abraçar tudo o que somos.

que es una vida sexual normal

Uma breve história de individuação

Vivemos em uma era em que temos como certo que podemos aprender e crescer como indivíduos por todas as nossas vidas,até o dia em que morremos.

o que é individuação

Por: Mimabahor

Mas a visão predominante na época de Jung era quetodo crescimento psicológico ocorreu quando crianças e adolescentes. O colega de Jung na época concorrente, por exemplo, era Freud. Freud estava focado em como a infância é a raiz de tudo.

Jung apresentou seu então radical conceito de individuação por meio da experiência pessoal.Ele nunca parou de trabalhar consigo mesmo e teve uma grande crise na meia-idade em que enfrentou muitas coisas dentro de si mesmo.

Perto do fim desta crise, Jung se interessou por mandalas, desenhos simbólicos antigos que irradiam de um ponto central.

Jung percebeu que todos os caminhos em nossa psique levam a um ponto central de nosso Eu único. A individuação é seguir o caminho em direção a este Self. Mas, como uma mandala, o caminho raramente é reto, mas tende a nos fazer sentir que estamos andando em círculos.

O que envolve o processo de individuação?

Trazendo o inconsciente para o consciente.

A visão da psicologia na época de Jung era que temos um mente inconsciente onde as coisas estão escondidas. Jung diferia de Freud nisso ele sentiu que havia também um Inconsciente coletivo . Parte da jornada da individuação é trazer à luz elementos do inconsciente coletivo e pessoal, para que possamos nos compreender melhor.

É claro que hoje em dia sabemos que não há nenhuma parte do cérebro delineada como 'inconsciente', mas que nosso cérebro é uma série complexa de redes seletivas. Mas o conceito de enfrentar experiências reprimidas e emoções reprimidas ainda é uma parte importante do crescimento pessoal.

Enfrentando nossa sombra.

O que é individuação Jung

Por: David Goehring

Muitas das coisas que reprimimos ou negamos são as partes de nós mesmos que consideramos 'más' ou 'indignas'. Isso é o que Jung cunhou a sombra . Quando encontramos a coragem de olhar para a nossa Sombra, muitas vezes descobrimos que ela contém dons e nos liga ao nosso poder pessoal .

Encontrar equilíbrio em nossa psique.

Jung viu a próxima camada na psique após a sombra como oanima / animus ou lados masculino / feminino. Em sua época, parecia-lhe que os homens deveriam aprender a abraçar seu lado 'feminino' e as mulheres, seu lado 'masculino'.

É claro que os tempos mudaram, assim como temos ideias sobre o que esses termos significam. entãopode fazer mais sentido pensar em encontrar um equilíbrio, dependendo das características que você encontra dentro de você que estão super ou subdesenvolvidas.Você precisa ser mais ativo / receptivo? Racional / intuitivo?

Aceitação de si mesmo e dos outros.

Ao enfrentar nossa sombra e nossa mente inconsciente, a ideia é aprender a aceitar e integrar tudo o que somos. Nós essencialmente ‘crucificamos’ nosso ego, e nos tornando mais aceitando a nós mesmos tornar-se mais receptivo aos outros.

Jung disse: “Individuação é o uno consigo mesmo e ao mesmo tempo com a humanidade, visto que a própria pessoa é uma parte da humanidade”.

Espiritualidade.

Jung realmente quis dizer que o termo individuação também abarca a experiência espiritual de ser humano. Na verdade, ele conectou o processo de individuação ao taoísmo e ao zen-budismo, bem como ao cristianismo. O que faz sentido, já que muitas pessoas descobrem por padrão um senso de espiritualidade em sua jornada de individuação.

Como podemos alcançar a individuação?

o que é individuação

Por: Surian Soosay

Hoje em dia não temos escolha quando se trata de autodesenvolvimentoe aprendendo a seja nosso eu autêntico .

Mas Jung recomendou coisas como o seguinte como um caminho para a individuação:

Trabalhando com arquétipos. Arquétipos representam motivos e personagens universalmente compreendidos. Todos nós temos alguns arquétipos dominantes dentro de nós, e aprender a reconhecê-los e trabalhar com eles leva à autorrealização.

Dreamwork.Jung adorava usar sonhos como o inconsciente trabalha com imagens. Portanto, para ele, era um caminho necessário para compreender e processar nossa mente inconsciente.

Trabalho de sombra.Novamente, enfrentar as partes de nós mesmos que consideramos inaceitáveis ​​é necessário para alcançar a individuação.

Jogo criativo. Jung puxou-se para fora de seu usando a criatividade. Ele começou, por exemplo, a construir edifícios modelo como fazia quando era criança. E ele desenhou mandalas.

Técnicas de imaginação.Jung encorajava os clientes a relaxar a mente e permitir que palavras e imagens surgissem, escrevendo ou desenhando o que surgisse.

Você gostaria de focar no processo de individuação?

Você pode tentar trabalhar com um terapeuta junguiano. Um tipo mais moderno de terapia chamado terapia transpessoal é outra opção. Ele se concentra na integração da psicologia com a espiritualidade e é muito sobre a jornada de transformação pessoal.

Ainda tem uma pergunta sobre ‘o que é individuação’ ou deseja compartilhar suas ideias? Use a caixa de comentários públicos abaixo.